Museu Nacional dos Coches

A Coleção


Coche de D. Pedro II

Viatura de aparato com decoração de talha dourada em estilo francês de Luís XIV.

Coche de D. Pedro II
1
A caixa de forma trapezoidal é fechada com sete janelas.
2
O tejadilho é revestido de couro negro e possuiu oito maçanetas em bronze dourado.
3
Nas ilhargas distingue-se uma figura feminina reclinada com ramo de louro e escudo contendo o monograma de D. Pedro.
4
Nos painéis laterais tem pinturas representando as estações do ano.
5
No alçado traseiro está representada figura da Abundância segurando o escudo de Portugal e em baixo um medalhão coroado.
6
O jogo dianteiro possuiu a mesma ornamentação da caixa e as molas de suspensão estão cobertas por plumas de bronze.
7
O interior é revestido de veludo carmesim, agaloado e franjado a ouro, com aplicações de pregaria.

Ficha Técnica

  • Século
  • XVII
  • Viatura
  • de aparato
  • Trabalho
  • Português
  • Inv
  • V 0005
  • Dimensões
  • 558 x 189 x 260 cm

1 – A caixa de forma trapezoidal é fechada com sete janelas.

2 – O tejadilho é revestido de couro negro e possuiu oito maçanetas em bronze dourado.

3 – Nas ilhargas distingue-se uma figura feminina reclinada com ramo de louro e escudo contendo o monograma de D. Pedro.

4 – Nos painéis laterais tem pinturas representando as estações do ano.

5 – No alçado traseiro está representada figura da Abundância segurando o escudo de Portugal e em baixo um medalhão coroado.

6 – O jogo dianteiro possuiu a mesma ornamentação da caixa e as molas de suspensão estão cobertas por plumas de bronze.

7 – O interior é revestido de veludo carmesim, agaloado e franjado a ouro, com aplicações de pregaria.

Coches

Continue aqui a explorar os diferentes coches da exposição:
link coche-de-d-pedro-ii
imagem Coche de D. Pedro II
Coche de D. Pedro II
Séc. XVII
link coche-de-filipe-ii
imagem Coche de Filipe II
Coche de Filipe II
Séc. XVI - XVII
link coche-de-d-maria-francisca-de-saboia
imagem Coche de D. Maria Francisca de Sabóia
Coche de D. Maria Francisca de Sabóia
Séc. XVII